Dois Chevrolet Bel Air 1957 estarão expostos na Expoclassic

Dois exemplares do Chevrolet Bel Air conversível ano 1957, equipados com câmbio automático e motor V8, estarão expostos na ilha principal da tradicional mostra, de 18 a 20 de agosto, em Novo Hamburgo   

O câmbio automático, cada vez mais desejado pelo motorista brasileiro, é item de série em muitos modelos norte-americanos há mais de 70 anos. O sistema equipa os dois exemplares do Chevrolet Bel Air 1957 que são os carros-destaques da edição comemorativa dos 20 anos da Expoclassic. De 18 a 20 de agosto, a maior mostra de veículos antigos em área coberta do Brasil deverá reunir, nos pavilhões da Fenac, em Novo Hamburgo, cerca de mil automóveis, motos, caminhões e ônibus. A estimativa, segundo Clodio Silva, presidente da entidade organizadora, o Veteran Car Club Novo Hamburgo, é de que mais de 20 mil pessoas confiram os três dias de programação. 

Diferentemente do que ocorreu em anos anteriores, para comemorar as duas décadas da Expoclassic foram escolhidos não apenas um, mas dois carros-destaques. Ambos os exemplares do Chevrolet Bel Air 1957 são conversíveis e estão impecavelmente conservados. Ícones da uma era dourada na história do automóvel, são raros no Brasil e, inclusive, nos Estados Unidos, onde foram fabricados.

Os carros-destaques foram revelados em janeiro passado e, quando vistos ao vivo, dão a impressão de que acabaram de sair da fábrica. Essa sensação de nostalgia poderá ser conferida ao vivo pelos visitantes na ilha principal da Expoclassic, localizada logo no acesso.  

O exemplar na tonalidade Coral com capota branca pertence a um associado do Veteran Car Club Novo Hamburgo. O interior também é na cor clara e os bancos têm acionamento elétrico, assim como a capota. O ano de 1957 foi considerado o auge deste autêntico rabo-de-peixe, pois recebeu um motor V8 4.6 com 283 cv de potência e 40 kgfm de torque, números respeitáveis até nos dias atuais. O câmbio automático tem somente duas velocidades. Já o Bel Air 1957 preto é de um associado do Veteran Car Clube que reside em Porto Alegre. O cockpit conta com painel, volante e faixas dos bancos na cor vermelha, conferindo um visual esportivo.

Estas verdadeiras “barcas” sobre rodas têm 5,08 metros de comprimento, apenas 22 centímetros a menos que uma picape média dos dias atuais, como a Chevrolet S10, com seus 5,30 metros. O porta-malas é igualmente gigantesco e, no Bel Air de cor preta, chama a atenção o kit Continental, estepe localizado na traseira que conta com um elegante acabamento.  

O organizador da Expoclassic, Evandro Scholles, lembra que os dois veículos estampam o cartaz oficial e os materiais de divulgação da mostra. “A edição comemorativa será muito especial. Utilizamos todos os 28 mil metros quadrados disponibilizados pelos pavilhões da Fenac, onde, além dos veículos, há shows e uma estrutura completa para o público, incluindo praça de alimentação com restaurantes e opções de lanches”, observa. Como já é tradição, para o encerramento, no dia 20 de agosto, está confirmado o show da banda The Travellers, uma das melhores do Brasil no estilo country-rock.

Veículos do Uruguai e da Argentina
Está prevista a participação de veículos antigos de várias regiões do Rio Grande do Sul e de outros Estados, como Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul. Como ocorre todos os anos, também marcarão presença modelos que virão rodando do Uruguai e da Argentina. Em 2022, a mostra surpreendeu ao reunir 900 veículos e público total de 20 mil pessoas, conforme a entidade organizadora. Reservas dos estandes e demais espaços podem ser feitas com Carlos Krauss pelo WhatsApp (51) 9 9322-6985 e e-mail comercial@ceika.com.br.   

SERVIÇO
O que: Expoclassic 2023
Quando: dias 18, 19 e 20 de agosto
Onde: pavilhões da Fenac, em Novo Hamburgo (RS)
Ingressos: R$ 20,00 (crianças de 7 a 10 anos, estudantes e idosos acima de 60 anos pagam meia-entrada)
Estacionamento: R$ 25,00 para carro e van; R$ 15,00 para moto; R$ 50,00 para ônibus e motorhome  
Contatos: e-mail veterancarclubnh@gmail.com

Mais posts relacionados

Um primeiro dia frio e molhado em Suzuka

O primeiro dia do GP do Japão teve condições frio e chuva

Royal Enfield amplia opções de cores da Himalayan

Três novas cores já estão disponíveis em toda a rede de concessionárias da marca sem mudança de preço

BYD Dolphin Mini é apresentado em São Paulo

Modelo pretende seguir os passos do "irmão mais velho" BYD Dolphin

Citroën 2 CV comemora seu 75º aniversário

Citroën 2 CV teve 5.114.969 unidades produzidas entre 1949 e 1990

Este Ford Modelo 18 de 1936 será o destaque do 30º Encontro Sul-Brasileiro de Veículos Antigos

O encontro ocorrerá nos dias 17, 18 e 19 de novembro nos pavilhões da Fundaparque, em Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha

Publicidade