Receba nossa newsletter

História

Honda completa 20 anos de produção de automóveis no Brasil

Há exatos 20 anos, a Honda iniciava um novo capítulo em sua história e expandia suas operações no país com a inauguração de uma fábrica de automóveis na cidade de Sumaré, interior de São Paulo. A mudança da condição de importadora para fabricante local de automóveis ocorreu em 06 de outubro de 1997, com 20 unidades do Honda Civic, então em sua sexta geração, saindo diariamente da linha de montagem.
Para construir uma trajetória de sucesso, contínuos investimentos foram realizados com o objetivo de aumentar a capacidade de produção e melhorar a eficiência dos processos. Como resultado, atualmente, 550 automóveis são produzidos diariamente entre os modelos Civic, Fit, City, HR-V e WR-V e a produção acumulada se aproxima de 1.700.000 unidades. Alcançar esse patamar e estar entre as principais montadoras nacionais só se tornou possível graças ao time de colaboradores envolvidos na missão de entregar produtos que excedam as expectativas dos clientes. De 400 funcionários, no início das operações produtivas, a empresa conta com 3.500 colaboradores ativos nos dias atuais, todos capacitados a trabalharem de acordo com os exigentes parâmetros globais de qualidade Honda.
Primeira fabricante de automóveis a se instalar na região, a Honda Automóveis do Brasil (HAB) liderou o processo de estruturação de uma rede de fornecedores, a princípio, com 33 empresas, algumas das quais, iniciaram suas atividades no Brasil para atender exclusivamente a fabricante japonesa e, assim, também compartilham as comemorações por duas décadas de atuação nacional. Como resultado, as cidades do entorno tiveram ganhos sociais e econômicos, ao passo que suas atividades industriais e setor de serviços foram incrementadas.
Localizada em um terreno de 1,7 milhão m2, a HAB conta com 225 mil m2 de área construída onde são realizados os processos de estamparia, hemming (processo em que as chapas estampadas são agregadas para construir peças como porta-malas, porta e capô), fundição, solda, pintura, injeção plástica, pintura, além, é claro, da linha de montagem e inspeção final de todos os automóveis. A planta ainda concentra a unidade Power Train, responsável pela fabricação de motores e transmissões e que possui dois dos principais processos: fundição e usinagem.
Desde o início de suas operações, a HAB buscou acelerar o processo de desenvolvimento, produção e comercialização de novos produtos cada vez mais alinhados às expectativas do consumidor brasileiro.

 

Modelos
O primeiro modelo de fabricação nacional da Honda foi o Civic, em 1997. Desde então, já saíram da linha de produção mais de 690 mil unidades do modelo. Em 2016, o Civic Geração 10 começou a ser produzido no Brasil, após a maior e mais extensa renovação em toda sua história, que resultou na criação de um automóvel mais sofisticado, espaçoso, seguro e tecnológico, com eficiência e desempenho.

Em 2003, entrou em produção o Honda Fit, sendo eleito líder de vendas na sua categoria. Sua produção acumulada chega a mais de 631 mil unidades.

Seis anos depois, em 2009, chegou ao mercado o City, que não ficou atrás dos ótimos resultados dos seus pares e rapidamente conquistou a posição de sedã compacto mais desejado do Brasil. Até o momento, mais de 215 mil unidades do modelo levam o selo de fabricação nacional.

Mais tarde, em 2015, outro lançamento veio revolucionar o mercado: o HR-V, que no mesmo ano, respondeu por 1/3 das vendas do line-up de automóveis sendo o SUV mais vendido de 2015 e 2016, eleito pelo mercado como o ?Carro do Ano? e escolhido como a ?Melhor Compra?. São 136 mil unidades já produzidas.

Em 2017, chegou o novo SUV da Honda, o WR-V, que teve seu projeto liderado pelo time de Pesquisa e Desenvolvimento da Honda Automóveis do Brasil. Em sete meses, 15 mil unidades saíram da linha de produção.

 

 

Linha do Tempo

1992 - Honda dá início à importação de automóveis para o Brasil (Civic e Accord).

1997 - Inauguração da fábrica de automóveis em Sumaré, interior de São Paulo.

Início da produção nacional do Honda Civic (6ª geração do modelo), com volume diário de produção de 20 unidades.

2000 - Início da comercialização CR-V no Brasil (importado).

Lançamento da 7ª geração do Honda Civic.

2003 - Início da comercialização do Honda Fit, segundo carro produzido pela marca no Brasil, e primeiro carro nacional a oferecer transmissão automática CVT.

2005 - Honda Fit passa a contar com a motorização de 1,5 litros.

Honda Fit, produzido em Sumaré (SP), passa a ser exportado para o México.

Honda anuncia expansão e investimentos de US$ 100 milhões na fábrica de Sumaré.

Honda Automóveis: 200 mil unidades produzidas no Brasil.

2006 - New Civic é lançado no mercado brasileiro (8ª geração do modelo).

Honda apresenta tecnologia Flex em seus modelos Fit e New Civic.

Honda Automóveis: 300 mil unidades produzidas no Brasil.

2007 -  Início da produção nacional do Civic Si.

2008 - Honda Automóveis otimiza a produção de motores e inaugura nova unidade de Power Train em Sumaré (SP).

Honda Fit ganha série especial "1.5 S".

Honda Automóveis: 500 mil unidades produzidas no Brasil.

2009 - Lançamento do Honda City - terceiro modelo produzido pela Honda no Brasil.

Honda Automóveis: 700 mil unidades produzidas no Brasil.

2011 - Honda Automóveis lança edição especial do New Civic.

Honda Automóveis: 900 mil unidades produzidas no Brasil.

2012 -  Lançamento da 9ª geração do Honda Civic.

Lançamento do Fit Twist - primeiro modelo desenvolvido exclusivamente para o mercado brasileiro.

Início da construção do novo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Honda Automóveis em Sumaré.

Honda atinge capacidade máxima de produção diária, de 620 unidades.

Honda Automóveis: 1 milhão de unidades produzidas na fábrica de Sumaré.

2013 - Honda Civic ganha motorização 2.0.            

Honda CR-V recebe tecologia flex sem o subtanque de partida a frio.

2014 - Civic Si importado volta a ser comercializado no Brasil.

Inauguração do parque eólico da Honda em Xangri-lá (RS), suprindo totalmente a demanda de energia elétrica da fábrica de Sumaré (SP).

Inauguração do novo centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Honda Automóveis em Sumaré.

2015 - Honda lança o HR-V, quarto modelo produzido no Brasil.

Inauguração da nova sede administrativa da Honda América do Sul e Honda Automóveis do Brasil em Sumaré, interior de São Paulo.

2016 - Lançamento do Novo Civic geração 10.

Honda Automóveis: 1,5 milhão de unidades produzidas no Brasil.

2017 - Lançamento do WR-V, primeiro modelo com desenvolvimento liderado pelo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Honda no Brasil.

Outubro: Honda comemora 20 anos de produção nacional no Brasil.


Conheça as gerações do Civic que foram produzidas no Brasil:

 

6ª geração - 1997

 

O primeiro modelo do Civic fabricado no Brasil foi um carro inovador para sua época e detentor de equipamentos diferenciados. Com o conceito de trazer versões completas - LXB-MT, LX-MT, LX-AT, EX-MT e EX-AT -, sem opcionais, o Civic lançado em 1997 oferecia ao consumidor tecnologias como suspensão independente, barras de proteção contra impactos laterais nas portas, um moderno motor com bloco e cabeçote em alumínio, dentre outros diferenciais de série, como direção hidráulica com regulagem de altura, vidros elétricos em todas as portas e abertura de porta-malas e tanque por dentro do veículo.

 

Nas versões mais completas, o Civic oferecia tecnologias de segurança como freios ABS e airbag duplo, bem como itens de conforto, como controle de cruzeiro e transmissão automática. Desde sua primeira geração vendida no Brasil, o Civic foi construído seguindo os padrões globais da marca de qualidade, tanto em componentes como no processo construtivo.  Em 1999 o modelo receberia um leve facelift e mais equipamentos.

 

7ª geração - 2000

 

Em dezembro de 2000 é lançada a sétima geração do Civic no Brasil, em simultâneo com os Estados Unidos e o Japão, já como modelo 2001, nas versões LXB-MT, LX-MT, LX-AT, EX-MT e EX-AT. A nova geração do modelo, a segunda fabricada localmente, era um projeto totalmente novo, que incorporava inovações construtivas inéditas no segmento, como o assoalho plano para os ocupantes dos bancos traseiros e um design moderno e completamente reformulado.

 

Com mais espaço interno, porta-malas com maior volume e motorização mais eficiente e potente - de quatro cilindros em linha, 1.7, de 115 cv ou 130 cv, dependendo da versão, o Civic, novamente, estabelecia um novo padrão de qualidade e de construção para os sedãs da época. As versões de entrada passaram a incorporar mais itens de série, como os airbags duplos à partir da versão LX. O resultado é que o modelo fechou o ano de 2001 como líder de vendas no segmento, com 21.402 unidades comercializadas naquele ano.

 

Em agosto de 2003, a Honda comemorava a produção do Civic nacional de número 100.000, enquanto em 2004, o modelo passava por uma atualização de design.

 

8ª geração - 2006

 

Em abril de 2006 a Honda apresentava ao mercado o inovador New Civic. O modelo era uma completa ruptura no segmento de sedãs médios, estabelecendo-se como a referência em design, construção e tecnologia. Um passo à frente dos sedãs da época, o New Civic se destacava pelo design futurista com linhas arrojadas, painel com informações distribuídas em dois displays e uma ergonomia diferenciada, com os comandos voltados para o motorista.

 

Em março de 2007, a Honda Automóveis do Brasil apresentava o carro mais potente produzido em série no Brasil para a época: o Civic Si. O sedã, transformado em um autêntico esportivo, trazia motor 2.0 i-VTEC de 192 cv, transmissão manual de seis velocidades, com diferencial de deslizamento limitado, bem como suspensões, freios e conjunto de rodas e pneus esportivos.

Internamente o Si incorporava um novo painel, com iluminação vermelha e shift light integrado e bancos esportivos com costura vermelha.  Em seu primeiro ano de vendas no Brasil, o modelo teve quase duas mil unidades comercializadas (1.935 veículos).

 

Em setembro de 2008, a Honda alcançava outro importante marco nas vendas do modelo, totalizando 300 mil unidades fabricadas no Brasil. No ano seguinte, o modelo passava por sua primeira atualização visual na oitava geração, enquanto a versão EXS passava a adotar o sistema VSA de controle de tração e estabilidade, já presente no Si desde seu lançamento.

 

9ª geração - 2012

 

A nona geração do Civic chegou no fim de 2011 trazendo inovações em equipamentos, mais espaço interno e um design completamente novo, mais elegante e voltado a permitir um maior espaço para bagagens.  Comercializado em três versões, LX-S LX-L e EX-S, o Civic de nona geração introduziu a central multimídia i-Mid, de 5 polegadas, com conexões Bluetooth e USB, direção elétrica adaptativa MA-EPS, que atuava em conjunto com o VSA na versão EX-S, bem como o botão ECON em todas as versões, que permitia uma condução mais econômica, ajustando diversos parâmetros do veículo.

 

O sedã ficou ligeiramente maior, com o comprimento ampliado para 4.525 mm, enquanto a capacidade de combustível aumentava dos 50 litros da 8ª geração para os 57 litros da 9ª geração. A ergonomia diferenciada do Civic anterior, com os instrumentos posicionados em dois níveis, foi mantida e aprimorada, com a introdução de um novo display na parte superior do painel. A versão EX-S ficou ainda mais segura, com a introdução de airbags laterais.

 

Em 2014, o modelo recebeu a nova motorização 2.0 i-VTEC FlexOne e alcançou a importante marca de 500.000 automóveis produzidos no Brasil. Em 2015 o modelo recebeu leves retoques visuais e a introdução do sistema FlexOne para toda a linha.

 

10ª Geração - 2016

 

Apresentado ao mercado em agosto de 2016, o Novo Civic Geração 10 representou um dos mais complexos e ambiciosos projetos da Honda, exigindo um comprometimento sem precedentes dos recursos de pesquisa e desenvolvimento e da engenharia da marca.

 

Tratou-se da maior e mais extensa renovação do modelo em toda sua história, que resultou na criação de um automóvel mais sofisticado, espaçoso, seguro e tecnológico, com eficiência e desempenho.

 

O Civic Geração 10 foi desenvolvido para estabelecer um novo padrão de performance dinâmica em seu segmento e para competir com sedãs sofisticados em aspectos-chave como sensação ao volante, precisão de direção, qualidade de rodagem e nível de ruído e vibração.

 

Também se destacam o desempenho em aceleração e frenagem, a entrega de potência de forma linear e a eficiência energética. O Civic Geração 10 também foi o primeiro modelo da Honda no Brasil a introduzir a motorização turbo combinada à transmissão CVT. Todo esse desenvolvimento do modelo foi reconhecido pelas diversas premiações recebidas no Brasil e, também, no mundo.

Publicações recentes

Automóveis

Encontro mundial reúne fãs do Citroën 2CV em Portugal

Amantes do modelo da Citroën promovem o 22º Mundial 2CV, reunião de fãs do Deuche teve como ponto de encontro a região da Ericeira, estação turística portuguesa na costa do Atlântico

veja mais

Motocicletas

Vai ter motocicleta no Rock in Rio!

O Rock in Rio vai receber um dos mais importantes nomes da customização de motocicletas do Brasil: Chrys Miranda, fundador da oficina Garage Metallica

veja mais

Utilitários

Volkswagen Amarok V6 Highline chega em fevereiro

Picape está disponível em programa de pré-venda, a partir desta terça-feira 5, com lote exclusivo de 450 unidades e preço promocional de R$ 187.710

veja mais

Carros no cinema

Ford Mustang no cinema

Em 53 anos de história, o esportivo soma nada menos que 3.800 aparições em filmes e na TV

veja mais

Automóveis

Suspendisse tristique nisi ante, ac condimentum magna tempor at

Nullam in molestie arcu. Vestibulum sollicitudin neque nec bibendum dictum. Vestibulum et enim pulvinar, interdum lectus sit amet, volutpat nibh. Nulla tincidunt nunc sed nisl luctus vehicula. Vestibulum nec dapibus velit.

veja mais

Motocicletas

Suspendisse tristique nisi ante, ac condimentum magna tempor at

Nullam in molestie arcu. Vestibulum sollicitudin neque nec bibendum dictum. Vestibulum et enim pulvinar, interdum lectus sit amet, volutpat nibh. Nulla tincidunt nunc sed nisl luctus vehicula. Vestibulum nec dapibus velit.

veja mais

Utilitários

Suspendisse tristique nisi ante, ac condimentum magna tempor at

Nullam in molestie arcu. Vestibulum sollicitudin neque nec bibendum dictum. Vestibulum et enim pulvinar, interdum lectus sit amet, volutpat nibh. Nulla tincidunt nunc sed nisl luctus vehicula. Vestibulum nec dapibus velit.

veja mais

Carros no cinema

Suspendisse tristique nisi ante, ac condimentum magna tempor at

Nullam in molestie arcu. Vestibulum sollicitudin neque nec bibendum dictum. Vestibulum et enim pulvinar, interdum lectus sit amet, volutpat nibh. Nulla tincidunt nunc sed nisl luctus vehicula. Vestibulum nec dapibus velit.

veja mais